23 ago

Como revender roupas com lucro de 300% em média

Encontrar roupas para revender de terceiros, com uma boa margem de lucro e que ofereça qualidade para seus clientes, talvez possa ser uma tarefa difícil e mais complicada do que se possa imaginar.

E partindo do princípio que você está apenas começando e nunca se quer revendeu nada, ou até talvez já tenha alguma experiência com catálogos, como a revista boticario, fica ainda mais difícil conseguir trabalhar com a revenda de roupas com uma boa lucratividade.

Neste artigo você irá conhecer a história da Sinatria, conhecerá seus principais segredos, que possibilitam a ela lucros entre 300% a 100% revendendo roupas para amigos e familiares.

Ela queria um emprego, mas revendendo roupas em uma emergência

como comprar calças jeans para revender

Estávamos no ano de 1985, Sinatra desembarcava do norte do Brasil para a capital de São Paulo, com pouco dinheiro no bolso, tinha também um número de telefone de uma tia e muita coragem a fim de desbravar as inúmeras oportunidades de emprego que só São Paulo proporcionava naquela época.

Chegando na rodoviária do Tiete em São Paulo a moça decide ligar para sua tia e quando tem uma inesperada surpresa! Sua tia não morava mais no mesmo endereço…

Sinatria foi criada com os costumes do Norte, onde os moradores passavam anos e anos na mesma casa e as vezes, essa mesma casa passava de pai para filho.

E foi assim que a mesma veio para São Paulo, pensando que sua tia ainda estava morando na mesma casa de antes, pois fazia quase dois anos que ela havia falado com ela, e na ocasião prometeu que estaria vindo para São Paulo e se podia ficar alguns dias em sua casa, até arrumar um emprego e moradia.

Sua tia talvez imaginasse que sua sobrinha estaria brincando, ou então avisaria quando estivesse a caminho, por carta ou ligando para aquele número de telefone que na verdade era apenas para recado, naquela época ter um telefone fixo era luxo e somente privilégio para poucos.

Como a revenda de roupas entrou em sua vida

Desesperada Sinatria queria voltar para o norte do Brasil, começou a pedir dinheiro ainda na rodoviária para qualquer pessoa que ela encontrasse pela frente, mas, sem sucesso.

Apôs sentar um pouco para descansar ainda na rodoviária, avistou em um banco próximo um jornal amarelo de classificados e já na primeira página, visualizou uma grande oportunidade: roupas para revender com ou sem experiência!

O jornal dizia: Grande oportunidade para quem quer trabalhar e começar de imediato.

Sinatria não pensou duas vezes, recortou aquele anuncio do jornal e perguntando como chegava para diversas pessoas pelo caminho, chegou a região do Bom Retiro em SP.

Enxergando pelo lado positivo

Hoje Sinatria já estabilizada e com diversos canais de vendas de roupas e entre outros produtos, deixa uma lição para todos:

“Sempre na vida enxergue os problemas como uma grande oportunidade de mudança, porque se naquela ocasião eu tivesse encontrado minha tia como eu tinha planejado, hoje talvez minha história seria outra, talvez eu teria arrumado um emprego comum, como eu vinha planejando e me acomodaria em não tentar desbravar terras desconhecidas”

Para encontrar diversas dicas de revenda de produtos diversos acesse: www.autonomobrasil.com

Dicas para revender lingerie com excelentes lucros

moda intima no atacado

O ano de 2014 estava acabando, estávamos precisamente no mês de novembro, onde logo as festas de final de ano se aproximavam e Jorge abalado pela crise, perderá seu emprego tradicional, onde trabalhava a mais de 12 anos.

Jorge já vinha passando por uma crise ainda maior, uma crise pessoal que havia abalado sua vida familiar e financeira durante anos.

Apôs ser despedido de sua atividade tradicional, as coisas só pioraram e o jeito seria o de se reinventar.

Jorge com o auxílio de sua esposa Mônica, deram o pontapé inicial ainda naquele conturbado, criando uma revenda simples de lingerie e moda intima em geral.

E para surpresa até de seus muitos credores, o casal conseguiu em apenas 06 meses, efetuar todos os pagamentos moras e juros. Aquele negócio decolou, graças muito estudo, trabalho e perseverança.

Abaixo confira algumas dicas do casal sobre como montar uma revenda ou revender lingeries com excelentes lucros.

Revendendo lingeries o casal se reinventou!

Em tempos de crise, o segredo para não ficar para trás é se reinventar. Prova disso é a quantidade de pessoas que está mudando de profissão e atuando em segmentos que jamais imaginaram atuar.

E se você está pensando em tornar-se vendedor autônomo, que tal entrar no ramo de revenda de lingeries? Se você já pensou sobre o assunto e já simpatiza com a ideia, temos algumas dicas para você tornar-se a nova sensação do momento em vendas de lingeries. Vamos a elas:

*Preço e prazo de entrega:

Se a conta da sua cliente foi alta, que tal oferecer um descontinho (ou uma alternativa mais barata)? Isso fará com que as clientes confiem em você e no seu gosto.

Além disso, clientes não gostam de esperar muito para receber os produtos que compraram, portanto mantenha um estoque com as principais peças. Com o tempo, você irá percebendo o que tem boa saída e o que deve manter.

*Conheça os gostos das suas clientes

Conhecer suas clientes também engloba saber quais as suas preferências e expectativas.

Com o tempo, algumas se tornarão clientes fiéis e, a partir de suas compras, será possível traçar um perfil das cores, tamanhos e modelos que mais agradam o público para investir principalmente nessas peças.

*Seja criativa

Você já parou para pensar em quantas pessoas vendem lingerie no seu bairro? Não seja só mais uma: crie diferenciais que farão as clientes optar por comprar de você.

Mesmo que o seu produto seja igual aos demais, você pode criar cestas temáticas e até incluir itens eróticos ou sabonetes, por exemplo.

Ou que tal organizar um bingo com aqueles produtos que deram uma encalhada em seu estoque?

*Seja cordial e receptiva

Você pode reservar um espaço confortável de sua casa para receber as clientes. Caso tenha marcado de visitar algum grupo, seja pontual.

Esclareça as dúvidas de suas clientes com interesse e trate-as sempre gentilmente.

Só dê a sua opinião quando ela for solicitada diretamente, mas seja sutil ao dizer que determinada peça não ficou boa na cliente.

Agir sempre com respeito e responsabilidade são qualidades que conquistam o público.

Veja também esse vídeo com uma boa oportunidade

25 set

Revender Camisas Dudalina são sinônimo de sucesso e inspiração

Começo dos anos 50 e um casal decide empreender abrindo uma mercearia comum para aquela época, que revendia de tudo, desde queijo até tecidos.

E a história de como um lote de tecidos chegou a mercearia é muito curioso! Seu Duda, apelido dado ao esposo de dona Adelina, estava também a frente do negócio, mas, Adelina foi a pessoa visionaria que deu vida a marca de camisas Dudalina masculinas e femininas.

Como nasceram as camisas Dudalina

camisas dudalina

Certo dia seu Duda viaja para comprar produtos para a mercearia, na verdade este tipo de negócio na época se chamava secos e molhados, e como seu Duda não sabia falar não, foi convencido pelo fornecedor a levar um lote muito grande de tecidos para comercializar em seu negócio.

O argumento do vendedor era de que seu Duda poderia pagar este lote de tecido apôs 2 anos, venderiam muito em seu comercio e seu Duda aceitou.

E como de se esperado por dona Adelina, o tecido ficou encalhado em seu negócio por mais de dois anos, porque a cidade era muito pequena e não havia costureira por perto.

Sendo assim, dona Adelina com o seu espirito de empreendedorismo resolve fazer um curso de costura e começa a produzir as primeiras camisas masculinas Dudalina.

Determinação, essa é a palavra chave da marca Dudalina

Muito determinada dona Adelina pode ser considerada a criadora principal deste negócio que hoje movimenta bilhões de reais.

Seu sonho muito antes de montar a mercearia e a empresa de camisas Dudalina, era o de ter em sua casa 20 filhos.

Esse sonho não foi cumprido, mas ela quase chegou lá. Foi mãe de 16 filhos, sendo 11 homens e 05 mulheres.

Só aí podemos levar para nós uma grande lição, devemos sonhar grande, e como muitos grandes empreendedores de sucesso dizem: dá o mesmo trabalho sonhar pequeno e sonhar grande, desta forma escolha sempre sonhar grande, mas é claro, com integridade e amor as pessoas, como por exemplo o slogan da marca Dudalina: Amor as pessoas e a camisa!

Brigas em família e a venda da Dudalina em 2013

Apôs diversos desentendimentos entre a família, na verdade entre 05 irmãos que descordavam de tudo, Sônia Hess, última presidenta da família no comando da empresa, decidiu cumprir a promessa feita para a mãe, manter sempre a união entre os irmãos e decidiu vender a empresa, selando ali sua missão com grande compromisso e sucesso.

Conclusão e rumos da empresa

Esse é um pequeno e rápido resumo desta história de uma empresa familiar de sucesso que poderia muito bem ser tema de um grande filme, isso talvez se já não tenha algum planejamento neste intuito vindo por aí.

Podemos aprender com a fundadora da Dudalina, dona Adelina que tudo é possível e só basta termos coragem e competência de executar, isso porque todo mundo praticamente tem visão para negócios, não é verdade?

Atualmente a marca Dudalina é composta pelas tradicionais camisas masculinas e femininas, a linha da marca própria Individual, volta para o público que gosta de um estilo sport chique e a linha da marca Base, que veste o público mais casual, o chamado jeans wear.

[Vídeo] Rui Hess conta curiosidades sobre a marca Dudalina

Neste vídeo um dos filhos e executivo na época da marca, conta um pouco da história da marca e como a empresa criou as famosas camisas feminina Dudalina que é a queridinha das executivas no Brasil.

[Vídeo] Sônia Hess conta como se tornou Presidenta da Dudalina

Apôs longo período na Europa para cursos profissionalizantes sobre costura, Sônia conta que sabe ensinar a costurar, porém não sabe costurar!

Não entendeu? Veja o vídeo…

Leia também: